sexta-feira, 30 de setembro de 2011

UMA CRIANÇA ASSASSINA E SUICIDA OU UMA SOCIEDADE OMISSA E EGOISTA. ?.




Passados alguns dias do fato ocorrido em São Paulo , no qual um menino de 10 anos de idade atirou , pelas costas , em sua professora e , depois , suicidou-se com tiro na cabeça , podemos afirmar que jamais tivemos notícia de que uma criança cometesse dois atos insanos seguidos e típicos de situações de desespero como o trágico da Cidade de São Caetano do Sul.

Já tivemos conhecimento a respeito de adolescentes e de adultos que entraram em escolas e universidades , mataram colegas , professores e funcionários , causaram pânico e , depois , com as investigações , apareceram explicações diversas como distúrbios mentais , paixão , agressões anteriores , ódio por professores e outras razões que alimentaram rancor nos autores dos crimes por acúmulos de decepções , mágoas e fracassos na Vida..

Ainda está em nossa memória o que houve em uma escola municipal de Realengo , quando um ex-aluno , adulto , entrou na unidade e matou crianças.Ele tinha muitas frustrações , disseram .

Mas esse menino tinha só 10 anos de existência. Não poderia ter acumulado tantos infortúnios. O que teria provocado a atitude que representa a maior demonstração de desamor pela própria vida - o suicídio - numa criança ? Esse comportamento anômalo não pode ser examinado superficialmente. Não há como culpar simplesemente o pai que deixou a arma ao seu alcance.

Não há como atribuir à professora culpa por ter ela tomado , talvez , alguma atitude ríspida em relação ao menino .Não há que se reprovar a escola por negligência, deixando o menino armado entrar em suas dependências.

Urge que reflitamos profunda e criticamente sobre o que a SOCIEDADE como um todo está fazendo para educar as crianças. Não falamos de ensinar conteúdo de Matemática , Ortografia ou Ciências , mas de convívio social , religioso e cidadão.

Os programas televisivos , desde os desenhos , passando pelos telejornais sensacionalistas que exploram a criminalidade e os filmes até chegarmos às telenovelas ,não estão distorcendo os valores morais e éticos e prejudicando a formação social da criança ? Ao lado disso e , para piorar , a falta da FAMÍLIA , em razão de motivos diversos , mas principalmente por questões econômicas , com a ausência dos PAIS , não está causando hiato nas relações Pais-Filhos e deixando as crianças sem uma referência familiar ?

A desafagem da ESCOLA e a falta dos pais no binômio FAMÍLIA-ESCOLA não agravaria esse quadro ? A pouca atratividade da IGREJA ( qualquer credo) para as crianças não seria outro componente? As Igrejas se precupam com os jovens e com os adultos . Será que têm o mesmo cuidado com a CRIANÇA ? Estamos nos esquecendo de que a CRIANÇA de joje não é a mesma dos anos 60 , 70 ou 80 . Elas , hoje , vivem no mundo de muito mais informação . E nós ainda não nos demos conta disso...

O consumismo doentio , compulsivo , avassalador e predatório não corroi o tecido social e não provoca egoismo ? A Internet não promove distanciamento do Mundo REAL e cria um MUNDO VIRTUAL que pode ser manipulado pela pessoa a seu bel prazer , gerando egocentrismo e falência dos grupos de vizinhança tão saudáveis para o convívio em sociedade ? E as crianças dominam a internet com muita destreza...

A questão que aqui levantamos é para uma profunda análise. Não temos as respostas para tudo , mas sabemos que estamos trilhando um caminho perigoso. A atitude do menino de São Caetano do Sul é um SINAL DE ALERTA. A Sociedade não está sendo OMISSA ou ALIENADA ?

JUSTAS AS REIVINDICAÇÕES DOS POLICIAIS CIVIS.


O Sindicato da Polícia Civil reuniu 200 manifestantes no Centro do Rio para protestar contra a falta de delegados , para que possam ser apreciadas todas as ocorrências , antes de o registro ser concluído por um Inspetor. Segundo o presidente do sindicato dos Policiais Civis , os poucos delegados existentes não conseguem examinar todas as ocorrências. Com o quantitativo baixo , se os delegados fossem examinar como deveriam , um cidadão iria ficar , pelo menos , cinco horas esperando registro de ocorrência.

A passeata começou em frente à sede da Polícia Civil , na Rua da Relação e terminou em frente à Alerj. Os participantes usavam camisetas com a frase : " CUMPRA-SE A LEI ".

Além de pleitearem o aumento do quantitativo de delegados , reivindicam trabalhar todos os dias , e não mais no regime de 24 por 72 horas - ou seja , um dia de trabalho por três de folga . Reclamam da necessidade de ter que fazer " bico ". Querem ter dedicação exclusiva para ter eficiência. Segundo eles , hoje ,a elucidação dos homicídios não chega a 10 %.

Desejam , também , melhor treinamento , reforma do plano de carreira e aumento do efetivo.

A LONGA VIAGEM PARA A MORTE .



Ontem , enquanto os telejornais da noite anunciavam a morte do jovem de 22 anos que foi rejeitado em cinco hospitais estaduais e municipais , a Prefeitura do Rio fazia uma propaganda da Clínica da Família , como solução dos problemas graves que a população carioca enfrenta no tocante à falta de médicos , à insuficiência de leitos e de macas ,`a total ausência de condições de trabalho para os profissionais de saúde e aos equipamentos sem funcionamento entre outras mazelas.


O rapaz que faleceu foi rejeitado por cinco hospitais , dentre unidades estaduais e municipais ; peregrinou ,carregado por uma ambulância por 88 km , durante mais de 7 horas. Levando em conta todo o tempo , desde o acidente até ser internado no Salgado Filho , foram 12 horas que , certamente , agravaram o quadro do paciente com traumatismo craniano. O curioso é que a Prefeitura ,em termos de seu programa de Saúde ( se é que existe) só fala dessas Clínicas. Não se reporta aos postos de saúde nem aos hospitais municipais , como Lourenço Jorge , Salgado filho , Souza Aguiar e Pedro II nem às tão decantadas Unidades de Pronto Atendimento - UPAs ( O que houve com elas?).

Assim como o Governador , para se reeleger em 2010 , começou , em 2008-2009 , uma forte propaganda enganosa a respeito das UPAs e das UPPs , com apoio escancarado da Rede Globo e de outras emissoras de TV , o Prefeito do Rio usa do mesmo artifício exitoso de seu CABO-ELEITORAL , promovendo as clínicas desde o fim das eleições de 2010. Essa estratégia já é conhecida por parte do eleitorado esclarecido, mas eles ainda se beneficiam da ingenuidade das pessoas que não têm espírito critico..

Ao longo dos últimos anos , foram inúmeros os casos de mortes de idosos decorrentes da falta de estrutura mínima para atendimento hospitalar. E a culpa não é dos médicos nem dos enfermeiros. Quem já utilizou os serviços de saúde em unidades públicas teve a oportunidade de perceber a dedicação dos servidores. Eles trabalham acima dos limites de sua capacidade. NÃO HÁ UMA POLÍTICA DE SAÚDE NO RIO . E ela não existe de propósito para BENEFICIAR OS PARLAMENTARES QUE EXPLORAM OS CENTROS SOCIAIS ( no tocante à população mais pobre ) e os Planos de Saúde ( para os que têm condição de pagar).

Trata-se de uma MALDADE para com a população. Nada disso é ocasional . A intencionalidade dessas pessoas em relação à Saúde Pública é análoga aos procedimentos mafiosos dos que não querem resolver os problemas da Segurança Pública , fontes de renda para enriquecimento ilícito e célere de muita gente.

Assim como as UPAs , as Clínicas da Família podem ser bons projetos , mas não são a solução definitiva das questões de Saúde pública no Rio. E , na verdade , é possível que os governantes nem queiram que elas sejam. As UPAs e as Clínicas são , para eles , apenas e tão somente , PALANQUES ELEITORAIS PARA SUA SEDE DE PODER. Pouco se importam se não há macas , leitos , medicamentos , aparelhos , algodão , gaze ou esparadrapo nas unidades . O que lhes interessa é o VOTO DOS INOCENTES que ainda acreditam na sua hipocrisia , nas suas mentiras , na conivência de muitos parlamentares donos dos malditos centros sociais das zonas Norte e Oeste do Rio.

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Médicos são sequestrados para atender traficante no Rio.



Uma equipe de saúde da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da Maré (zona norte do Rio) foi obrigada por homens armados a entrar no conjunto de favelas para socorrer um dos chefes do tráfico de drogas na região, que havia sido baleado.

O caso, ocorrido no último dia 1º, foi revelado ontem à Folha por funcionários da unidade --reaberta pelo governo após uma semana fechada devido a ameaças do tráfico.

"Ele [o traficante ferido] veio acompanhado de mais de 20 bandidos armados com fuzis e pistolas para pedir atendimento", afirmou um funcionário que pediu para não ter o nome revelado. Segundo ele, armas eram exibidas para intimidar médicos, enfermeiros e auxiliares.

Por volta das 10h, a equipe levou o criminoso de ambulância para um hospital particular, mas o atendimento foi negado. O grupo, então, retornou à Maré para deixar o homem numa casa no local --onde permaneceram até o final da tarde.

O funcionário contou que o criminoso recebeu atendimento básico dentro da ambulância, mas não soube dizer se a equipe realizou procedimentos mais complexos no interior da favela.

De acordo com pessoas que trabalham na UPA, localizada num dos principais acessos ao complexo de favelas, é comum que traficantes furem a fila e obriguem médicos a atendê-los na frente de outros pacientes. "Isso virou prática habitual. Pelo menos duas vezes por mês chegava alguém de moto para avisar que precisava de atendimento na favela", disse.

Funcionários também contam que o sequestro do dia 1º foi o quarto envolvendo equipes da unidade. Eles também afirmam que os profissionais sequestrados são militares do Corpo de Bombeiros.

"O comando da corporação está ciente dos outros sequestros, mas até agora não se posicionou", contaram os funcionários. O comandante do Corpo de Bombeiros, Sérgio Simões, disse --através da assessoria de imprensa-- que "não consta nenhum registro da situação citada".

A Folha apurou ainda que a ameaça de traficantes foi o motivo que levou ao fechamento da UPA no último dia 20. Segundo os relatos, criminosos foram até o local exigindo o fim de operações policiais na região, sob risco de ataque à unidade.

A presidente do Conselho Distrital de Saúde da região, Maria de Fátima Lopes, diz que, por causa da violência, seis médicos pediram demissão nos últimos dias.

É comum que a cúpula da PM-RJ se envolva em mortes.




O envolvimento da cúpula da polícia do RJ em crimes de execução não é nenhuma novidade, segundo afirma o ex-secretário nacional de Segurança Pública, ex-secretário de Segurança do Rio de Janeiro e co-autor dos livros Elite da Tropa 1 e 2, antropólogo Luiz Eduardo Soares.

Para ele, a prisão do ex-comandante da Polícia Militar do RJ, tenente-coronel Cláudio Luiz Silva de Oliveira, acusado de ser o mentor do assassinato da juíza Patrícia Acioli, executada com 21 tiros em 11 de agosto, está sendo equivocadamente tratada como um caso isolado.

Segundo Soares, há um padrão de comportamento institucionalizado da polícia, que silencia, estimula e aplaude execuções extrajudiciais cometidas por policiais. "Infelizmente esse não é uma caso único, não é um caso isolado. Eu fui exonerado do governo do Rio (onde ocupava o cargo de Secretário de Segurança), em março de 2000, por ter denunciado esse fato (envolvimento da alta cúpula da polícia em crimes). Então, essa denúncia é antiga, conhecida", disse o antropólogo.

"A cada momento que aparece um episódio mais evidente, mais ostensivo, todos se chocam, mas sempre tarde demais, e só no momento de uma tragédia", critica.

A proximidade da cúpula da PM-RJ com o crime se tornou ainda mais evidente com o pedido de demissão do comandante-geral da PM, coronel Mário Sérgio Duarte. Em seu pedido de demissão, Duarte diz: a escolha de Cláudio Luiz "não pode ser atribuída a nenhuma pessoa a não ser a mim".

Segundo Luiz Eduardo Soares, a juíza assassinada era uma das poucas que investigavam casos de mortes ocorridas em autos de resistência, ou seja, em confrontos com a polícia. Segundo ele, essas ocorrências são usadas como disfarce para as execuções extrajudiciais realizadas pela polícia.

"No Rio de Janeiro, de 2003 a 2010 tivemos 8.708 mortes provocadas por ações policiais", relata Soares. "Sabemos que a maioria desses casos não tem nada a ver com os autos de resistência, não tem nada a ver com ação legal. Tem a ver com execução extrajudicial. E por que que isso continua com números elevadíssimos, com o Rio de Janeiro como recordista mundial, com mais de mil mortes por ano? Porque a instituição não só é tolerante, como estimula", acusa.

Soares acredita que se as instituições adotassem a postura correta, tratando essas execuções como crimes, o problema poderia ser resolvido. "Se a instituição tratasse isso como crime, cessava no mesmo momento, porque os superiores, diante de cada caso, afastariam os policiais, fariam um levantamento do que aconteceu, reveriam os padrões de treinamento e capacitação e reveriam que valores são esses que estão permitindo coisas desse tipo, ainda mais com o silêncio dos colegas", afirma.

O problema se arrasta há décadas, afirma Soares, e revela um padrão de comportamento da polícia, que vê como positiva a eliminação de pessoas consideradas inimigas do sistema. Além disso, apesar do choque social que a execução da juíza provoca na sociedade, esse comportamento criminal institucionalizado da polícia ainda é deixado de lado quando se apuram os motivos do que aconteceu.

"Quando um fato se repete, não só sempre nem regularmente, como em grande escala, você não tem casos individuais, você tem um padrão, e se isso se repete ao longo de décadas, a ponto de se tornar previsível, como as pesquisas demonstram, isso realmente não está em uma dimensão individual, mas sim em uma dimensão padronizada e institucionalizada, que é aceita e repetida pela instituição", analisa.

Para o antropólogo, aos olhos da sociedade, a complexidade do problema é omitida, e os esclarecimentos sobre a morte da juíza acabam sendo encarados como se fossem casos individuais, e não fruto de uma conduta que é apoiada dentro dos batalhões.

"As questões fundamentais não são mencionadas e tudo passa a ser definido como problema individual, de desvio de conduta, então, uma vez punido o indivíduo, tudo está resolvido, mas se fosse assim, não teríamos esse tipo de coisa se repetindo há 20, 30 anos. Ninguém quer ver o óbvio porque isso significa ter de mudar essas polícias de uma maneira radical, acabar com essa estrutura que herdamos da ditadura, e essa questão não entra em pauta apesar das denúncias e das críticas que muitos de nós fazemos. Continuamos com esse cortejo patético de omissões e de retórica", afirma.

Segundo ele, essa postura da Polícia Militar, com valores contrários à legalidade, envolve a instituição como um todo, que faz com que a "cúpula da polícia, do batalhão e os colegas ocultem todos os casos, finjam que não estão vendo. Praticam por omissão ou por ação e aplaudem, porque acham que isso faz parte da guerra, que é muito bom eliminar aqueles que são definidos como inimigos, é claro que isso segue".

Ele diz que a mudanças devem vir das esferas superiores do poder com ação do Executivo e do Legislativo, já que a atividade policial é regulamentada pela Constituição.

"É claro que se o governo federal tivesse interesse em agir teria que assumir uma liderança nesse debate, porque sem o protagonismo do Ministério da Justiça, o Congresso não vai se mexer. Tem muita gente boa que lá que tenta, mas a maioria não quer tocar no assunto. Governos estaduais também têm responsabilidade, evidentemente. Eles não podem mudar porque é inconstitucional, mas podem pressionar. Eles não pressionam o Congresso e suas bancadas para tanta coisa quando querem? Por que que não pressionam para essa questão?", questiona. ( Fonte : JB)







LEI GERAL DA COPA : VALE TUDO PARA A FIFA ?



(Raquel Rounik - Yahoo)

Sob forte chantagem da Fifa, que ameaça cancelar a realização da Copa do Mundo no Brasil caso o país não aceite todas as suas exigências, o Congresso Nacional começa a discutir a Lei Geral da Copa, criação de verdadeiro regime especial, paralelo e sobreposto à legislação em vigor no país.

A lei trata de exclusividades e privilégios de que a Fifa deve gozar – desde o estabelecimento do preço dos ingressos, vistos de entrada no país para competidores e espectadores, exclusividade no marketing e na transmissão dos eventos e até a tipificação de novos crimes e novas varas para julgá-los.

Em suma, para poder sediar a Copa entre “o vigésimo dia anterior à realização da primeira partida e o quinto dia após a realização da última partida”, ou seja, por quase dois meses, passamos a ser geridos pelas leis da Fifa, entidade privada, com um currículo nada marcado por valores como lisura, ética, democracia ou respeito aos direitos humanos.

De acordo com estas leis, por exemplo, nos chamados “locais de competição”, que incluem – pasmem! – não apenas os estádios, mas também todos os locais onde ocorrerão transmissão de partidas com ingressos pagos, áreas “de lazer destinada aos fãs” (?!) localizadas OU NÃO nas cidades que irão sediar as competições, a Fifa e as pessoas por ela indicadas terão exclusividade de venda, distribuição e propaganda de produtos, inclusive nas vias de acesso a estes chamados “locais de competição” e suas imediações.

Traduzindo em português claro, a Fifa e sua curriola – com o apoio das “autoridades competentes” – podem decretar “territórios Fifa” Brasil afora, onde só funcionarão pontos de venda Fifa, onde valerão as regras de segurança da Fifa, onde, por exemplo, o sujeito que inserir o símbolo da Copa na sua cadeira de praia para alugar poderá ser preso, julgado na mesma hora, e encarar de três meses a um ano de prisão!

Na preparação do país para a Copa, as autoridades brasileiras já cederam bastante às exigências da Fifa – muitas delas totalmente estapafúrdias, como a criação de alas e estacionamentos vip para cartolas ou critérios para o padrão dos estádios que inflaram os custos de construção e reforma das arenas e levaram a mais e mais remoções e desapropriações de indivíduos e comunidades que poderiam ser evitadas.

Ontem a presidenta Dilma anunciou que fará uma conversa franca com os dirigentes da Fifa, que, apesar de todas as concessões já feitas, parecem considerar insuficientes as abusivas excepcionalidades incluídas no Projeto de Lei Geral da Copa enviado pelo governo ao Congresso. É absolutamente necessário que seja estabelecido um limite para este vale-tudo, sob pena de frustrar a expectativa do Brasil em consolidar sua imagem de potência soberana e séria

POR QUE O TJ/RJ NEGA QUE A JUÍZA QUERIA PROTEÇÃO ?

PATRÍCIA ACIOLI


REPASSANDO

Já fui cunhado da juíza assassinada Patrícia Acioli (era casado com uma irmã dela), uma juíza impressionantemente generosa e idealista. Como todos devem ter acompanhado pelo noticiário, desde que aconteceu o hediondo assassinato a cúpula do TJ/RJ tem insistido na versão de que a própria Patrícia abrira mão da segurança. Trata-se de versão no mínimo inverossímil.

Há alguns meses, as ameaças de morte contra Patrícia foram matéria de primeira página de uma edição dominical de O Globo, e nela Patrícia não quis mostrar o seu rosto, aparecendo apenas uma figura sombreada. É claro que se ela não estivesse seriamente preocupada com a sua segurança (e a de sua família), não teria escondido o rosto. Mas apesar do discurso defensivo e sem transparência do TJ/RJ, a verdade — que a família conhecia perfeitamente — foi aparecendo ao longo da semana, por meio de vários documentos.

Na sexta-feira à noite, descobriu-se mais um documento até então desconhecido (o doc. que segue anexo), qual seja, o andamento de um processo administrativo referente à segurança de Patrícia (2008.231986) , em que consta a seguinte decisão, datada de 17/02/09: “De ordem do Exmo. Des. Luiz Zveiter, Presidente do TJ/RJ, e ante ao que consta da informação de fls. 91, determino o arquivamento do presente feito, por não se vislumbrar a necessidade de adoção de qualquer medida extraordinária de segurança. Oficie-se à magistrada que subscreve fls. 02 informando o teor da presente decisão, remetendo-se cópia de fls. 90 e 91.” O que consta integralmente nesse processo administrativo? Desconheço. Mas qual a razão de o TJ/RJ ter omitido por completo a existência do processo?

Pior. Ontem (20/08), como pessoa próxima a Patrícia, fui chamado para dar uma entrevista ao Jornal da Record, exibido aos sábados às 18:30 horas. Na entrevista, dada cerca de 16:00 horas na Praia de Icaraí (defronte a uma cruz que lembra o assassinato de Patrícia), com várias testemunhas, critiquei a postura do TJ/RJ e mencionei o documento que segue anexo. Para minha surpresa, pouco antes do horário marcado para a entrevista ir ao ar, recebi um telefonema bastante constrangido da jornalista a quem prestei a entrevista, dizendo que, por ordem da direção nacional da emissora, a entrevista não seria exibida.

Um Poder que tem por missão julgar há de saber também julgar os seus próprios atos e reconhecer os seus erros. Um Poder Judiciário sem autocrítica e com medo da verdade é algo extremamente preocupante para toda a população.

Em homenagem à memória de Patrícia, peço que retransmitam esta mensagem ao maior número possível de

destinatários.

José Augusto Garcia de Sousa.

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

VASSOURAS NO CONGRESSO . E POR QUE NÃO NO EXECUTIVO E NO JUDICIÁRIO ?




O gramado em frente ao Congresso Nacional amanheceu hoje com 594 vassouras, em uma manifestação a favor do voto aberto e da Lei da Ficha Limpa, que torna mais rígidos os critérios para quem quer se candidatar a cargo eletivo. A organização não governamental (ONG) Rio da Paz colocou as vassouras como um simbolismo em favor de uma limpeza no Parlamento brasileiro.


“A vassoura simboliza a exigência da sociedade de que o Congresso esteja ao lado do povo no combate à corrupção no Brasil”, disse o presidente da ONG, Antônio Carlos Costa.

Esta não é a primeira vez que a ONG faz um protesto cênico em Brasília. Em 2007, cerca de 15 mil lenços brancos foram pendurados em varais na Esplanada dos Ministérios, como forma de representar o númerode brasileiros assassinados no país nos cinco primeiros meses daquele ano.

O protesto ocorre no mesmo dia em que o Conselho de Ética vai votar o relatório do deputado Fernando Francischini no processo contra Valdemar Costa Neto por quebra de decoro parlamentar

O grupo pretende, à tarde, entregar uma vassoura para cada um dos parlamentaresO grupo pretende, à tarde, entregar uma vassoura para cada um dos parlamentares: 513 deputados e 81 senadores. “Queremos inaugurar uma nova fase da sociedade civil com o Congresso. Dizer que a corrupçãovive no pior ambiente possível, gosta de escuridão, de penumbra. E o voto aberto é luz”, comenta Antônio Carlos.

O protesto ocorre no mesmo dia em que o Conselho de Ética da Câmara vai votar o relatório preliminar do deputado Fernando Francischini (PSDB-PR) no processo contra Valdemar Costa Neto (PR-SP) por quebra dedecoro parlamentar.

O PSOL e o PPS pediram a abertura de processo sob a acusação de que Valdemar Costa Neto teria envolvimento em irregularidades no Ministério dos Transportes, pasta comandada pelo PR.

A VASSOURADA TEM QUE ATINGIR ALGUNS MINISTÉRIOS E OUTROS SETORES DO EXECUTIVO. HÁ AINDA NECESSIDADE DE PERMANÊNCIA DAS AÇÕES DO CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA (CNJ) PARA , COM MUITO MAIS RIGOR , BANIR DA VIDA PÚBLICA MAGISTRADOS DESONESTOS.





ALIADO DE SARNEY AFIRMA QUE " METALEIROS SÃO MACONHEIROS ".



O deputado estadual Magno Bacelar (PV-MA), vice-líder do governo da Roseana Sarney (PMDB) na Assembleia Legislativa do Maranhão, afirmou, em discurso, que "muitos dos metaleiros" que foram ao Rock in Rio e xingaram o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), durante o show da banda Capital Inicial, são "drogados e maconhados (sic)".

Segundo ele, o público representa uma "pequena minoria da população".

Bacelar é o mesmo parlamentar que havia dito que Sarney "não é uma pessoa qualquer" no episódio revelado pela Folha em que o senador foi flagrado utilizando um helicóptero da polícia do Maranhão em viagens particulares em fins de semana.

Naquela ocasião ele questionou: "Queria que o presidente [Sarney] fosse andar de jumento? Enfrentar um engarrafamento [?]".

No novo discurso em plenário, ele afirmou que vai propor uma moção de repúdio contra a banda por ter dedicado a música "Que País é Esse". Enquanto a canção era executada, era possível ouvir o público gritando: "Ei, Sarney, vai tomar no c...".

Segundo ele, os xingamentos aconteceram em ambiente "onde tem criança, tem jovem, tem tudo".

"Muitos dos metaleiros vão ali drogados, maconhados (sic), e, de certa forma, uma pequena minoria da população, 100 mil habitantes, para se utilizar da boa vontade das pessoas ali presentes", disse.

Após a manifestação em plenário, o deputado afirmou à agência de notícias oficial da Assembleia Legislativa do Maranhão que a moção de repúdio também será destinada diretamente ao cantor da banda, Dinho Ouro Preto.

"Este cidadão, alterado sabe-se lá por quais motivos, disparou vários palavrões não apenas contra o presidente Sarney, mas também contra o público. Foi uma total falta de respeito, de educação. Diante deste fato, irei, sim, apresentar uma moção de repúdio contra este cantor", afirmou Bacelar. ( Fonte: Folha).



DECEPÇÃO COM A CONFERÊWNCIA MUNICIPAL DA SAÚDE NO RIO !

ESSE BLOG RECEBEU ESSA MANIFESTAÇÃO E , DEMOCRATICAMENTE , VEICULA .

Grupo Otimismo de Apoio ao Portador de Hepatite .ONG - Registro n°.: 176.655 - RCPJ-RJ - CNPJ: 06.294.240/0001-22 .Rio de Janeiro (21) 4063.4567 - São Paulo (11) 3522.3154 (das 11.00 às 15.00 horas) .e-mail: hepato@hepato.com - Internet: www.hepato.com

24/09/2011

O Grupo Otimismo foi convidado para participar da Conferencia Municipal da Saúde da cidade do Rio de Janeiro, convite que prontamente aceitamos e indicamos dois representantes (Marilene e Cristina).

Mas qual não foi à decepção ao verificar que as ONGs convidadas não poderiam participar das discussões nem colocar questões de ordem, ficando limitados a somente presenciar desde a plateia e de preferencia bater palmas para os conselheiros. Ao ser informado de tal atitude adotada pela Conferencia a única dedução possível é que simplesmente querem gente na plateia como uma formar de legitimar o que é decidido e discutido a boca pequena, entre os conselheiros que anos estão encastelados no conselho municipal.

É por isso que o Rio de Janeiro é objeto permanente de matérias nos jornais denunciando a precariedade do atendimento a população e os desvios de recursos. O volume de denuncias da população e da investigação jornalística demonstra claramente que o Conselho Municipal da Saúde não cumpre seu papel de fiscalizador.

Em protesto os representantes do Grupo Otimismo se retiraram da Conferencia. Não compactuamos com aqueles que não aceitam a participação da população na apresentação de questões de ordem numa Conferencia que deverá indicar o que será apresentado na Conferencia Estadual e Nacional.

Não representamos os portadores hepatites só para figurar no papel. Sempre que necessário atuamos sem medo de recebermos criticas.

O Grupo Otimismo e afiliado a AIGA - ALIANÇA INDEPENDENTE DOS GRUPOS DE APOIO - www.aigabrasil.org




terça-feira, 27 de setembro de 2011

PODE ESTAR EM CURSO MAIS UMA LOUCURA NO RIO.

               

                       Estacionamento no lugar do Museu Nacional


De acordo com um vídeo da Emop (Empresa de Obras Públicas do Estado), parte da Quinta da Boa Vista, inclusive o Museu Nacional, corre o risco de virar estacionamento do Maracanã. O filme trata das obras no estádio e destaca, em verde, “áreas potenciais para estacionamento”. A maior delas (aqui marcada com a letra A) inclui a Quinta e o museu.

Foto: Reprodução de vídeo



Para a Emop, o vídeo mostra apenas um estudo: diz que nunca se pensou em demolir o antigo Palácio Imperial. Lembra que cabe à prefeitura cuidar das vagas fora do Maracanã. Segundo Eduardo Paes, o estacionamento ficará em terreno que era do Exército (B), mas haverá poucas vagas, a maior parte da área abrigará instalações da Copa. “Os torcedores usarão transporte público”, afirma. O aumento das vagas foi exigido pela Fifa.

Como os atuais governantes agridem a tudo e a todos para atender às exigências da FIFA e às suas vaidades , principalemnte pensando em voto custe o que custar , vale a pena a população carioca ficar atenta para evitar mais essa loucura para apagar a história do Rio de Janeiro e uma área de entretenimento muito importante para todos nós. ELES DESMENTEM , MAS , DEPOIS , AGRIDEM.

21 tiros na Justiça ! Faaala Cabral ! Faaala Beltrame ! Cadê vocês ?



QUEM TENTOU CALAR A JUSTIÇA MATANDO COVARDEMENTE A JUÍZA ? Pelas investigações , o suspeito é o ex-comandante do Batalhão de São Gonçalo. EXATAMENTE QUEM DEVERIA PROTEGER E LUTAR PELA JUSTIÇA DÁ UM GOLPE FATAL NA JUÍZA.

Estranhamente , o suspeito saiu do Comando do Batalhão de São Gonçalo e foi comandar o Batalhão da Maré. Hoje , em entrevista , a autoridade da PM  disse não saber a razão da transferência. Tudo muito esquisito. Isso ainda vai se desdobrar e revelar muita coisa . Não vemos Cabral nem Beltrame. Por quê?
O tenente-coronel Claudio Luiz Oliveira, suspeito de ser o mandante da morte da juíza Patrícia Acioli, com 21 tiros no dia 11 de agosto, em Niterói, foi exonerado do comando do 22º BPM (Maré) e está preso na carceragem do Batalhão de Choque, no Estácio, na Zona Norte do Rio, desde a madrugada desta terça-feira (27). Antes de ficar à frente do batalhão da Maré, ele comandou o 7º BPM (São Gonçalo). As informações são da assessoria da Polícia Militar.

Em depoimento ao juiz da 3ª Vara Criminal de Niterói, um dos cabos presos por envolvimento na morte da juíza acusa o ex-comandante do 7º BPM (São Gonçalo) de ser o mandante do crime.

Além do tenente-coronel, mais cinco policiais militares também tiveram a prisão decretada no fim da noite de segunda-feira (26). Os cinco PMs faziam parte do Grupo de Ações Táticas do Batalhão de São Gonçalo e são suspeitos de forjar um auto de resistência, morte em confronto, para esconder o assassinato de Diego Bellini de 18 anos, durante uma operação policial.

Na segunda-feira (26), a Secretaria estadual de Saúde informou que a UPA da Maré foi fechada a pedido do "comando da Polícia Militar do Rio de Janeiro, por conta das operações realizadas no complexo nas últimas semanas". Segundo a PM, as operações para combater traficantes armados nas imediações eram diárias desde que o tenente-coronel Cláudio Oliveira tinha assumido o comando do 22º BPM (Maré).

Onde estão O Governador e o Sr Beltrame ? O Povo quer explicações convincentes ...



segunda-feira, 26 de setembro de 2011

UPA É FECHADA POR TEMPO INDETERMINADO.



Por conta da violência, UPA da Maré é fechada por tempo indeterminado


A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Maré está fechada por tempo indeterminado. A Secretaria estadual de Saúde informou nesta segunda-feira que a unidade foi fechada a pedido do "comando da Polícia Militar do Rio de Janeiro, por conta das operações realizadas no complexo nas últimas semanas".

Ainda de acordo com a secretaria, "a medida tem por objetivo preservar a população local e a equipe de profissionais da saúde que atua na unidade".

A Secretaria de Saúde informou que a população está sendo orientada a procurar o Hospital Geral de Bonsucesso, a UPA da Penha e a UPA da Ilha do Governador.

O Complexo da Maré tem sido palco de confrontos entre policiais e traficantes.

Enquanto isso , no Hospital de Saracuruna , um jovem foi rejeitado e rodou em ambulância pela ruas do Rio , durante 7 horas , até encontrar atendimento , depois de percorrer quase 90 Km e não ser atendido em 6 unidades públicas de saúde. UMA SENHORA.DE 60 ANOS FOI DADA COMO MORTA  E FOI FEITO O SEU ATESTADO DE ÓBITO . ELA FOI COLOCADA DENTRO DE UM SACO EM UMA GELADEIRA ATÉ QUE A SUA FILHA , CHEGANDO AO NECROTÉRIO VIU QUE ELA ESTAVA ( E ESTÁ) VIVA. Um, aposentado não foi atendido e morreu na porta do hospital ao lado da família que suplicava por atendiomento.

Essa é a POLÍTICA DE SAÚDE DO GOVERNO DO PMDB-PT DE CABRAL E DE EDUARDO PAES . E alguns ainda acham que esse Blog tem má vontade com o Governador e com o Prefeito . SERÁ?

domingo, 25 de setembro de 2011

SOS BOMBEIROS ! CONVOCAÇÃO PARA ASSEMBLEIA .


Senhores, atenção às convocações.


REUNIÃO DE REPRESENTANTES - DIA 27

Convocamos todos os representantes de Unidades para reunião dia 27, terça, 19h, no acampamento da Alerj.

ASSEMBLEIA GERAL - DIA 30 - Todos os bombeiros

Uma mudança de extrema importância precisou ser feita. A Assembleia geral foi transferida do dia 23 para o dia 30 de setembro, sexta-feira, no mesmo local e horário (18h, no Clube dos Portuários – Av. Francisco Bicalho, 47). A mudança foi feita para que diversos parlamentares possam se fazer presentes. Fomos a Brasília na quarta-feira e coletamos a declaração de apoio deles. Senhores, JUNTOS SOMOS FORTES! É FUNDAMENTAL A PRESENÇA de todos os bombeiros, não apenas os representantes, no dia 30. Permanece o acampamento na ALERJ.

TAXISTAS FAZEM MANIFESTAÇÃO EM AVENIDA DE ACESSO AO ROCK IN RIO.





Taxistas inconformados com a exclusividade concedida aos ônibus para chegar até a Cidade do Rock fizeram um protesto no início da madrugada deste sábado na Avenida Salvador Allende, em Jacarepaguá, em um dos acessos ao Rock in Rio. A ação fez com que policiais do Batalhão de Choque fossem mobilizados.

Cerca de 100 taxistas reunidos no local se queixavam do bloqueio realizado pela Guarda Municipal, montado a quatro quilômetros da Cidade do Rock, que permitia somente viaturas credenciadas para trabalhar no evento. O protesto começou por volta das 2h e terminou com a chegada da polícia, depois das 3h.

Em protesto, taxistas se manifestam contra bloqueio que permite o acesso somente de táxis credenciados ao entorno da Cidade do Rock

Segundo informações do jornal O Dia, taxistas reclamavam da falta de acesso e denunciaram a presença de uma pessoa vendendo credenciais de acesso para a região por R$ 50. ( Fonte JB)

AGORA , É A VEZ DO MINISTRO DO TRABALHO . ESTAVA DEMORANDO MUITO !



Ministro do Trabalho abriga cúpula do PDT e turbina central aliada com verba


Esplanada loteada. Carlos Lupi mantém dez integrantes da Executiva Nacional do seu partido em postos de comando do ministério e somente neste ano entidades vinculadas a sindicatos já receberam R$ 11 milhões do Fundo de Amparo ao Trabalhador

No comando do rateio de recursos milionários do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), o ministro do Trabalho, Carlos Lupi, abrigou parte da cúpula do seu partido, o PDT, na pasta e encontrou brecha para turbinar centrais sindicais, impedidas pelo Tribunal de Contas da União (TCU) de receber dinheiro público por causa de irregularidades no passado. Só neste ano, entidades vinculadas a centrais já receberam R$ 11 milhões.

O ministro mantém dez integrantes da Executiva do PDT em postos de comando do ministério e um outro personagem da cúpula partidária na Fundacentro, instituição ligada à pasta. O tesoureiro do partido, Marcelo Panella, foi chefe de gabinete de Lupi até o início do mês passado, auge da faxina ministerial, quando deixou o cargo a pretexto de cuidar de negócios pessoais.

"Todos são filiados ao PDT, o que pesou, sim, para suas nomeações", disse o ministro ao Estado, confirmando a lista de correligionários que nomeou. "Reitero que todos os seus cargos são de livre provimento", completou. No jargão burocrático, isso significa que Lupi considera caber a ele preencher os cargos da forma que entender melhor.

Panella e Lupi são amigos há 25 anos, segundo o próprio ministro. Os dois chegaram a ser sócios no Rio de Janeiro, no Auto Posto São Domingos e São Paulo, mas a falta de alvarás não permitiu o funcionamento do negócio.

Sucessor de Leonel Brizola na presidência do PDT, Lupi chegou ao bloco F da Esplanada dos Ministérios em 2007, após perder a disputa para governar o Rio e ter apoiado a reeleição de Luiz Inácio Lula da Silva. Ele tirou licença do comando do PDT para assumir o ministério, mas continuou mandando na legenda, numa confusão de fronteiras entre o cargo no governo e a militância partidária.

Loteamento. O critério político-partidário pesou na escolha de alguns dos principais cargos do ministério. Além de Lupi, o secretário executivo da pasta, Paulo Roberto Santos Pinto, também é integrante da Executiva Nacional. Da mesma forma, comandam o partido quatro assessores diretos do ministro: o secretário de Políticas para o Emprego, Carlo Roberto Simi, e a diretora de Qualificação, Ana Paula da Silva.

Completam a lista dois coordenadores-gerais: o responsável por Estudos, Anderson Brito Pereira, e Rafael Oliveira Galvão, que cuida de empreendedorismo juvenil. A Fundacentro, instituição de pesquisa sobre segurança do Trabalho, vinculada ao ministério, também é comandada por um membro da Executiva do PDT, Eduardo de Azeredo Costa. Neste ano, a Fundacentro recebeu R$ 45,7 milhões.

O Estado apurou que Panella tinha ascendência sobre os demais pedetistas. A maioria dos secretários ia ao seu gabinete despachar. Isso significa que a proximidade com Lupi se impunha à hierarquia do ministério.

Manobra. No ano em que assumiu o ministério, Lupi abriu caminho para o repasse de verbas do FAT a centrais sindicais, por meio de convênios com sindicatos ligados às centrais, proibidas pelo TCU de receber dinheiro público por fraudes e irregularidades na prestação de contas. A justificativa foi "a necessidade de novos parceiros" para cuidar da intermediação de emprego nas cidades de São Paulo e do Rio.

Com a medida adotada Lupi, a Força Sindical tomou a liderança do repasse de verbas para agências de emprego. O convênio em curso com a Confederação Nacional dos Trabalhadores Metalúrgicos soma R$ 46,4 milhões. A confederação é comandada por Monica de Oliveira Lourenço Veloso, que também é diretora da Força. A central sindical é presidida por Paulo Pereira da Silva (SP), deputado federal pelo PDT e pré-candidato à Prefeitura de São Paulo.

A brecha aberta em dezembro de 2007 também resultou na contratação de entidade que atende pelo nome de Sindicato dos Oficiais Alfaiates, Costureiras e Trabalhadores nas Indústrias de Confecção de Roupas e de Chapéus de Senhoras do Rio de Janeiro. A entidade usou parte do convênio de R$ 6 milhões para reformar e mobiliar sua sede, reativando um Centro de Atendimento ao Trabalhador, no bairro de São Cristóvão.

O sindicato é filiado à União Geral dos Trabalhadores (UGT). "Isso dá visibilidade às centrais", disse o deputado Roberto Santiago (PV-SP), vice-presidente da UGT, que intermediou o convênio. "Fiquei intercedendo junto ao Lupi, deu trabalho", contou.

Lupi alegou que a escolha das entidades obedeceu a um "edital de chamada pública de parceria" com ampla divulgação no Diário Oficial.

ESSA É A FORMA PELA QUAL AS CENTRAIS SINDICAIS FORAM SILENCIADAS  E , UMA VEZ COOPTADAS , APOIARAM LULA E , AGORA , ESTÃO COM A DONA DILMA.
SE VASCULHAREM O MINISTÉRIO DO TRABALHO VÃO ENCONTRAR MUITA COISA.









sábado, 24 de setembro de 2011

UM TRIBUTO AO VALQUEIRE E AS CRÍTICAS AO PODER PÚBLICO.

            VILA VALQUEIRE - UM BAIRRO ESPECIALÍSSIMO - UMA VIDA ESPECIAL
                                                                    SUA HISTÓRIA
Essa região, no passado, foi o belo engenho denominado Valqueire onde existia grande quantidade de árvores da espécie Pau-ferro. Ainda hoje, apesar do imenso número de construções, guarda em algumas ruas a lembrança desse espécime vegetal em exemplares que podem ser vistos, principalmente, na Rua das Rosas. Essa bela área está assentada no chamado Vale do Pau-ferro.


O Engenho do Valqueire teve como um dos seus últimos ocupantes, Francisco Teles - avô materno de Geremário Dantas nascido naquele engenho.

Os herdeiros de Francisco, em 1927, lotearam e arruaram, por intermédio de uma empresa imobiliária, as terras dessa situação, dando nomes de flores às suas ruas. O bairro, em que veio a ser transformado, continuou com o título do engenho: Valqueire. Colocou-se o indicativo Vila que, na atualidade, está começando a perder porque muitas pessoas dizem apenas, Valqueire.

A Estrada Intendente Magalhães, que é a sua principal artéria e marca seus limites com os bairros de Osvaldo Cruz, Bento Ribeiro e Marechal Hermes, já foi chamada Real de Santa Cruz, porque fazia a ligação do palácio de São Cristóvão - no tempo do Império - à Fazenda Real de Santa Cruz. Também denominada, durante muito tempo, de Rio São Paulo. Por sua demarcação muitas vezes, passou Tiradentes quando vinha de Minas Gerais ao Rio de Janeiro.

Em "As sesmarias de Jacarepaguá", de Raul Telles Rudge, encontramos uma possível explicação para seu nome: O dono das terras, hoje chamada de Vila Valqueire, nos meados do século XVIII, era Antônio Fernandes Valqueire.

Além da sede do engenho que ainda existe - totalmente arruinada - a mais antiga construção é a Igreja de São Roque, próxima à Rua Quiririm que no passado era denominada Estrada do Macaco. Atravessando as terras do engenho do mesmo nome, encurtava o caminho para o do Valqueire.

A Vila Valqueire possui um grande índice populacional. Apesar da forte verticalização sofrida nos últimos anos, é formada por predominantemente residências amplas e modernas, em sua maioria situadas em condomínios particulares.

O bairro habita a tradicional Igreja de São Roque, a Igreja Divina Misericórdia, único templo católico do país a possuir este título. Possui um comércio em franco desenvolvimento, shoppings, gastronomia variada, agências bancárias, supermercados, colégios tradicionais e linhas de ônibus ligando o bairro aos quatro cantos da cidade.

O bairro é um aconchegante pedaço da cidade do Rio de Janeiro. Cercado de verde, morros e serras, como a Serra do Valqueire, parte da área protegida do Parque Estadual da Pedra Branca. Com poucos anos de vida, incontestavelmente, é um dos bairros mais aprazíveis da Zona Oeste e baixada de Jacarepaguá. Suas diversas praças e áreas de lazer são fortemente frequentadas pelos moradores, entre eles esportistas, afirmando a ótima qualidade de vida.

Vila Valqueire é um bairro residencial de classe média, classe média alta da Zona Oeste do Rio de Janeiro, basicamente formado por prédios baixos e bonitas casas, e condominios de luxo como Vale das Acácias e Valedas Acácias imperiais.
                                           UMA VISTA PANORÂMICA
                           

O comércio do bairro atende a população local, são padarias, mercados, alguns bares e as famosas barracas de comida que até pouco tempo atrás estavam concentradas na Praça Saiqui, porém com o choque de ordem da Prefeitura não estão mais por lá. O único comércio que talvez possa ser considerado de grande porte no bairro é o de carros localizado na Estrada Intendente Magalhães (Intendente auto-shopping).

Não é incomum moradores de outros bairros do subúrbio reconhecerem o bairro como a Ipanema do subúrbio, devido aos condominios de luxo e suas bonitas praças.
 
Apesar de tudo isso , o PODER PÚBLICO MUNICIPAL vem abandonando Nosso Bairro. Na Praça Saiqui , por exemplo , hoje, constatamos alguns sérios problemas que mostram o abandono por parte da Prefeitura do Rio . E , ao longo do tempo, vamos mostrar mais.
                                         UM BANHEIRO QUÍMICO ABABDONADO
 
                                                   BURACOS NA PRAÇA SAIQUI
                       CANTEIRO CENTRAL DA RUA DAS CAMÉLIAS ABANDONADO
                                        MAIS BURACO NO MEIO DA PRAÇA SAIQUI
                                                    CANTEIRO ABANDONADO
                                             CABINE DA PM NUNCA FUNCIONOU
                                                 BRINQUEDOS QUEBRADOS
                                               CABINE DEPREDADA E LIXO AO LADO
                      SERÁ QUE ESSE BLOG FALA ALGUMA MENTIRA ? CONFIRAM !...

GOVERNANTES INCOMPETENTES - SAÚDE AGONIZA !

O idoso de 90 anos Oliveiros Guilherme Forbano só conseguiu um leito hospitalar , ontem , depois de recorrer à Justiça. Ele chegou ao PAM de Del Castlho , DA PREFEITURA DO RIO , às 8 h do dia 14 para fazer um simples exame de urina , mas precisou ser internado , porque passou mal e ficou 9 (NOVE) DIAS numa maca do posto aguardando um leito hospitalar. Até os remédios usados pelo idoso foram comprados pela família. Imagine se isso ocorre com seu pai ou com sua mãe !...

Segundo a família , ele chegou lúcido e andando. Agora , não consegue nem falar . E mais : o paciente teve vaga recusada pela Central de Regulação de Leitos três vezes. A Juíza Adriana Angeli de Araújo de Azevedo determinou a transferência em 24 horas para um leito público ou particular; (Extra, 24)

Sob a alegação de que a saúde precisa de R$ 40 bilhões , por ano , o governo de DONA DILMA-PMDB-PT vem pretendendo , para pagar a conta , retirar dinheiro do bolso do contribuinte para a União. Entretanto , a Controladoria Geral da União , em auditoria , mostrou que , em seis hospitais públicos federais , todos no Rio , há indícios de superfaturamento e pagamentos sem contratos nos serviços de lavanderia , alimentação , limpeza e vigilânia. ISSO É MÁ GESTÃO. NÃO É FALTA DE DINHEIRO.

Por essa razão , faltam medicamentos , leitos , material de cirurgia etc. ESSAS MALDITAS TERCEIRIZAÇÕES devem acabar nos setores de Saúde e de Educação ou  , já que não querem valorizar os servidores públicos , já que os atuais governos têm ódio de servidores públicos , que FISCALIZEM A APLICAÇÃO DO NOSSO DINHEIRO E ATENDAM AOS PACIENTES COMO O IIDOSO e outros tantos que estão à espera de socorro. Demitir diretores não resolve ! Assumam a sua culpa !

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

GUARDA MUNICIPAL ENTRA EM GREVE NA CIDADE DO RIO .

Guarda Municipal entra em greve e trabalha com apenas 30% do efetivo


A Guarda Municipal confirmou que está em greve e desde o início desta sexta-feira está trabalhando com apenas 30% do efetivo, o mínimo exigido por lei. De acordo com o presidente do Sindicato dos Servidores da Guarda Municipal, Rogério Campos, a quantidade de servidores que estará nas ruas durante a paralisação será suficiente para atender à demanda do Rock in Rio, que começa hoje, e demais emergências que possam surgir.

Serão escalados 400 guardas para o entorno da Cidade do Rock, em dois turnos, e, nas primeiras 72 horas, não será feita qualquer manifestação que prejudique o trânsito da cidade.

— Nossa ideia não é prejudicar o evento. O que queremos são melhores condições de trabalho — afirmou o presidente.

Apesar da greve, na manhã desta sexta, um guarda municipal organizava o tráfego na Rua Mário Ribeiro com a Avenida Visconde de Albuquerque. No batalhão da Unidade de Ordem Pública (UOP) no Centro, cerca de 15 guardas municipais saíram de bicicleta para fazer a ronda diária.

Segundo Campos, as principais reivindicações da categoria são o aumento do adicional de risco em 50%, restruturação do plano de carreira, piso salarial de R$ 1.200, melhoria das condições de trabalho nas inspetorias e incorporação do salário no triênio da antiga empresa municipal de vigilância. ( Fonte - Extra)



UMA MÉDICA DE CORAGEM E CONVICÇÃO.




                                    CARTA ABERTA AO GOV. DO RJ.



Carta da Dra. DRA. MARIA ISABEL LEPSCH ao Governador do RIO DE JANEIRO, SERGIO CABRAL.

                                            LEIA E DIVULGUE

Sabe governador, somos contemporâneos, quase da mesma idade, mas vivemos em mundos bem diferentes. Sou classe média, bem média, médica, pediatra, deprimida e indignada com as canalhices que estão acontecendo.Não conheço bem a sua história pessoal e certamente o senhor não sabe nada da minha também. Fiz um vestibular bastante disputado e com grande empenho tive a oportunidade de freqüentar a Universidade do Estado do Rio de Janeiro, hoje esquartejada pela omissão e politiquices do poder público estadual. Fiz treinamento no Hospital Pedro Ernesto, hoje vivendo de esmolas emergenciais em troca de leitos da dengue. Parece-me que o senhor desconhece esta realidade. O seu terceiro grau não foi tão suado assim, em universidade sem muito prestígio, curso na época pouco disputado, turma de meninos Zona Sul ...Aprendi medicina em hospital de pobre, trabalhei muito sem remuneração em troca de aprendizado. Ao final do curso, nova seleção, agora, para residência. Mais trabalho com pouco dinheiro e pacientes pobres, o povo.. Sempre fui doutrinada a fazer o máximo com o mínimo. Muitas noites sem dormir, e lhe garanto que não foram em salinhas refrigeradas costurando coligações e acordos para o povo que o senhor nem conhece o cheiro ou choro em momento de dor..

No início da década de noventa fui aprovada num concurso para ser médica da Secretaria de Saúde do Estado do Rio de Janeiro'. A melhor decisão da minha vida, da qual hoje mais do que nunca não me arrependo, foi abandonar este cargo. Não se pode querer ser Dom Quixote, herói ou justiceiro. Dói assistir a morte por falta de recursos. Dói, como mãe de quatro filhos, ver outros filhos de outras mães não serem salvos por falta de condições de trabalho. Fingir que trabalha, fingir que é médico, estar cara-a-cara com o paciente como representante de um sistema de saúde ridículo, ter a possibilidade de se contaminar e se acostumar com uma pseudo-medicina é doloroso, aviltante e uma enorme frustração. Aprendi em muitas daquelas noites insones tudo o que sei fazer e gosto muito do que eu faço. Sou médica porque gosto. Sou pediatra por opção e com convicção. Não me arrependo. Prometi a mim mesma fazer o melhor de mim.

É um deboche numa cidade como o Rio de Janeiro, num estado como o nosso assistir políticos como o senhor discursarem com a cara mais lavada que este é o momento de deixar de lenga-lenga para salvar vidas. Que vidas, senhor governador ? Nas UPAS? tudo de fachada para engabelar o povão!!!! Por amor ao povo o senhor trabalharia pelo que o senhor paga ao médico ? Os médicos não criaram os mosquitos. Os hospitais não estão com problema somente agora. Não faltam especialistas. O que falta é quem queira se sujeitar a triste realidade do médico da SES para tentar resolver emergencialmente a omissão de anos.

A mídia planta terrorismo no coração das mães que desesperadas correm a qualquer sintoma inespecífico para as urgências... Não há pediatra neste momento que não esteja sobrecarregado. Mesmo na medicina privada há uma grande dificuldade em administrar uma demanda absurda de atendimentos em clínicas, consultórios ou telefones. Todos em pânico. E aí vem o senhor com a história do lenga-lenga. Acorde governador ! Hoje o senhor é poder executivo. Esqueça um pouco das fotos com o presidente e com a mãe do PAC, esqueça a escolha do prefeito, esqueça a carinha de bom moço consternado na televisão. Faça a mudança. Execute.

"Lenga-lenga" é não mudar os hospitais e os salários. Quem sabe o senhor poderia trabalhar como voluntário também. Chame a sua família. Venha sentir o stress de uma mãe, não daquelas de pracinha com babá, que o senhor bem conhece, mas daquelas que nem podem faltar ao trabalho para cuidar de um filho doente. Venha preparado porque as pessoas estão armadas, com pouca tolerância, em pânico. Quem sabe entra no seu nariz o cheiro do pobre, do povo e o senhor tenta virar o jogo. A responsabilidade é sua,
governador.

Afinal, quem é, ou são, os vagabundos, Governador ?

Dra. Ma. Isabel Lepsch

ICARAÍ Rua Miguel de Frias 51 sala 303 Tel: 2704-4104/9986- 2514

NITERÓI Av. Amaral Peixoto 60 sala 316 Tel: 2613-2248/2704- 410 4/9982- 8995

SÃO GONÇALO Rua Dr. Francisco Portela 2385 Parada 40 Tel: 2605-0193/3713-

0879

Através da Divulgação é que podemos tentar ajudar a diminuir a

DESASISTÊNCIA TOTAL DO GOVERNO AOS HOSPITAIS PÚBLICOS DO BRASIL

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

GOVERNOS IRRESPONSÁVEIS OU MAL INTENCIONADOS TERCEIRIZAM .



                Desvio de verba em hospitais federais pode passar de R$ 30 milhões no RJ

Os prejuízos com os esquemas de desvio de dinheiro em seis hospitais federais no Rio podem ser ainda maiores do que os cerca de R$ 16 milhões já identificados pela auditoria da Controladoria Geral da União. O dobro desse valor foi pago irregularmente, em forma de indenização a empresas que não tinham contrato com as unidades.

No Hospital da Lagoa, na Zona Sul do Rio, as refeições de pacientes e funcionários são fornecidas por uma empresa terceirizada. Mas, segundo a CGU, a comida servida custa bem mais do que em outros hospitais federais. Segundo a CGU, no lanche, por exemplo, o relatório aponta superfaturamento de quase 100%. E os auditores descobriram ainda que a empresa trabalhou praticamente dois anos sem contrato, o que é ilegal.

Por isso, o hospital fez pagamentos indenizatórios, que somaram mais de R$ 6 milhões. A irregularidade se repete nas outras unidades investigadas.

As roupas do Hospital Federal de Bonsucesso são lavadas por um empresa terceirizada que também ficou sem contrato. Mas os serviços continuaram sendo feitos e pagos. Em um ano e meio, as indenizações chegam a mais de R$ 5 milhões.

Esse valor até poderia ser menor se o preço do serviço não fosse tão alto. O quilo da roupa lavada sai por praticamente o dobro da tabela de referência usada pela CGU. Só que o preço alto não garante qualidade: segundo o relatório, a lavanderia está em condições insalubres e sujeita a disseminação de doenças infecciosas.

Já o Hospital federal do Andaraí aparece no relatório como a unidade que mais pagou sem contrato. Foram R$ 8,5 milhões pelos serviço de limpeza realizados durante um ano. No relatório preliminar da CGU, a que o RJTV teve acesso, cinco dos seis hospitais federais fizeram pagamentos irregulares. O valor total é de mais de R$ 32 milhões.

A auditoria foi pedida pelo Ministério da Saúde, e o Departamento de Gestão dos hospitais federais do Rio informou que já estão sendo tomadas medidas para pôr fim às irregularidades. "A maioria dos serviços que estão em caráter indenizatório já estão sendo substituídos com novos contratos por pregões eletrônicos. Nós gostaríamos de já não ter, pelo menos até o final do ano, nenhum serviço sem contrato", disse João Ramalho Alves, diretor de Gestão Hospitalar do Ministério da Saúde.

ESSA É MAIS UMA EVIDÊNCIA  DOS PROBLEMAS DAS TERCEIRIZAÇÕES . OS GOVERNOS CONTRATAM , MAS NÃO FISCALIZAM E O NOSSO DINHEIRO VAI PELO RALO.

SE NÃO QUEREM ADMINISTRAR , RENUNCIEM !

O que faz um aluno de 10 anos atirar em professora dentro da escola ?


Um aluno de 10 anos atirou contra a professora dentro da sala de aula e depois disparou contra a própria cabeça em São Caetano do Sul, no ABC, na tarde desta quinta-feira (22). De acordo com a Prefeitura, os dois foram socorridos com vida, mas o estudante morreu. A docente, identificada como Rosileide Queiros de Oliveira, de 38 anos, deixou a escola consciente. O motivo do crime não foi informado.


Os disparos foram feitos na Escola Municipal Alcina Dantas Feijão, localizada na Rua Capivari, em Mauá, pouco antes de 16h. No momento em que o menino do 4º ano usou a arma, havia 25 estudantes na classe. A professora foi socorrida pelo helicóptero Águia, da Polícia Militar, por volta das 16h30.

Ainda de acordo com a nota, o incidente ocorreu pouco antes de 16h. A Prefeitura contou que o aluno “se retirou da sala de aula e disparou dois tiros nele próprio, na cabeça” depois de ter atingido a docente nas costas. O garoto foi atendido no Hospital de Emergência Albert Sabin, onde teve duas paradas cardíacas.

QUE SOCIEDADE É ESSA ? ONDE A SOCIEDADE ESTÁ ERRANDO ? QUE MEDIDAS DEVEREMOS TOMAR PARA MODIFICAR ESSE QUADRO BELIGERANTE ?

O que faz uma criança de 10 anos ir para uma escola portando arma e atirar em uma pessoa ? E mais incrível : em uma professora ? E mais estranho ainda: atirar na sua própria cabeça , matando-se ? 

É hora para uma profunda reflexão ! Será que a Mídia , a Igreja (qualquer Credo) , a Escola e , sobretudo , a Família estão cumprindo o seu dever ? Onde estão errando ?

Uma criança de 10 anos não pode alimentar tanto ódio , tanto desprezo pelas pessoas e pela vida ; não pode ter esse desamor ; não pode ser tão agressiva ; não pode delinquir ; não pode estar frustrada ou desencantada com a vida ! O QUE ESTÁ ACONTECENDO COM AS NOSSAS CRIANÇAS ?...

Não há palavras nem textos capazes de  retratar tanta tristeza e tanta indignação com o fato de constatarmos que estamos sendo derrotados por algo que destroi a nossa Sociedade a ponto de atingir crianças que deveriam BRINCAR , ESTUDAR  E CRESCER COM A CULTURA DO AMOR AO PRÓXIMO E A SI MESMA !   NÓS ESTAMOS SENDO "ENGOLIDOS" POR ALGO MUITO PERVERSO !  E ESTAMOS FRÁGEIS , IMPOTENTES , DERROTADOS !

Esqueçamos as diferenças ideológicas , políticas e religiosas e façamos um PACTO EM FAVOR DAS NOSSAS CRIANÇAS DE TODAS AS CLASSES SOCIAIS OU TEREMOS O CAOS !

TEMINO ESSE TEXTO MUITO CONSTERNADO !   QUE DEUS NOS ILUMINE !

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

E SE FOSSE COM SUA MÃE OU COM SEU FILHO : VOCÊ PERDOARIA ESSES GOVERNANTES ?

Durante os dias de ontem e hoje , os telejornais divulgaram amplamente , o caso do jovem de 21 anos de idade , Gabriel Santos , que sofreu uma queda em sua casa e teve traumatismo craniano e diversas fraturas pelo corpo. O caso foi tão absurdo que até o RJ/TV ( em quatro edições ) e o Jornal Nacional (ontem) trataram a matéria com detalhes. E vejam que a TV Globo apóia o Governador e o Prefeito do Rio. Mas até ela não está suportando mais a má gestão em termos de Saúde Pública desses governantes.


Gabriel  foi conduzido por uma ambulância por sete horas , passando pelo Posto de Saúde de Xerém , pelo Hospital Adão Pereira Nunes ( Hospital de Saracuruna) , onde o tomógrafo estava em manutenção , pelo Hospital Getúlio Vargas (Penha ) , onde não havia  neurocirurgião , pelo Souza Aguiar ( Centro do Rio) , onde não havia vaga , pelo Carlos Chagas (Marechal Hermes) , onde fez tomografia , mas não havia neurocirurgião , até chegar ao Salgado Filho ( Méier) .

Gabriel ainda está em coma , respira por aparelhos e os médicos dizem que seu caso é gravíssimo , tendo piorado por só ter sido atendido 12 horas depois do acidente. VOCÊ QUE DEFENDE ESSES GOVERNANTES DO RIO ME RESPONDA : E SE ISSO FOSSE COM O SEU FILHO OU COM A SUA MÃE ? Ainda acharia que esse Blog tem má vontade com tais figuras ? Aqui só se veiculam fatos .

O Secretário Estadual de Saúde disse ter ficado indignado com o caso . Sim ! ..Mas ele é o GESTOR e há muito tempo... Será que vai botar a culpa no Governo anterior ? Não pode , porque ele estava no Governo Cabral e era o Secretário da Pasta . Hoje , para " resolver" , demitiu os diretores de dois desses hospitais . Que absurdo ! Colocar a culpa nos médicos ou nos diretores nem sempre é fazer Justiça. A culpa está na péssima política do Governo para o setor Saúde. Não há condições de trabalho para os médicos.( quando há médicos...) . Demitir , nesse caso , é tentar desviar a atenção . É não admitir o erro do Governo.

No momento em que escrevemos esse texto , recebemos a informação de que a Câmara Federal não permitirá a criação do Imposto do Cheque pretendido pelo PT/PMDB. E também que a Controladoria Geral da União ( CGU) pilhou desvios de dinheiro público nos hospitais federais do Rio . Nesses próximos dias , vamos tratar dessas matérias. O fato é que se tenta iludir a população com UPAs e Clínicas da Família com objetivo eleitoreiro e não se cuida das políticas de saúde pública de forma séria.

terça-feira, 20 de setembro de 2011

MILHARES DE CARIOCAS CONTRA A CORRUPÇÃO.



                                                               ACORDA BRASIL

 Hoje , milhares de cariocas foram à Cinelândia para protestar contra a CORRUPÇÃO que , nesses últimos anos atingiu patamares intoleráveis. Ela é a causa maior da POBREZA que assola o País. Ela é a fonte do enriquecimento ilícito de gente que está nos poderes legislativo , executivo e judiciário. Ela é alimentada pela IMPUNIDADE. Mas , quem vai punir  se até o Judiciário está envolvido ? 

   
                                          


Os superfaturamentos em obras , a falta de licitação , os desvios de verbas , as renúncias fiscais e outros expedientes impossibilitam a existência de recursos para a Saúde , para a Educação, para a Habitação , para o saneamento Básico e para a Previdência Social . Há um grupo roubando o dinheiro público , fruto dos inúmeros impostos que pagamos.
                              
 Não adianta demitir ministros , por exemplo , e eles não devolverem o que desviaram do POVO para seus bolsos e não irem para a cadeia. A Faxina tem que ser séria , ampla , geral e irrestrita. Com punições severas e exemplares. Está na hora de o POVO ACORDAR E AGIR como hoje.


                                Parece que , durante o Rock in Rio , haverá mais protestos. Vamos aguardar.

                                                           AVANTE BRASIL !

CARTA AOS COLEGAS DA HUPE. RECEBEMOS E VEICULAMOS.

Colegas do Hupe


Venho através deste email, fazer alguns esclarecimentos a respeito do movimento por uma melhora salarial.

Para quem está um pouco afastado deste assunto, vou fazer um pequeno resumo.

Há quase um ano atrás, nós técnico-administrativos da Anestesiologia ,  iniciamos um movimento pleiteando

um aumento salarial baseado na época no piso salarial do médico de R$7254,00. (aproximadamente),

melhora das condições de trabalho, um plano de cargos decente para os médicos técnico-administrativos ,

 pagamento do adicional noturno e contratação de mais médicos anestesiologistas.

Conseguimos que todo o banco de concursados fosse chamado, no entanto o nosso pleito salarial até o

 momento não foi atendido. Estamos há praticamente um ano negociando e até agora de concreto não

temos nada. Tivemos reunião com o Sr. Alexandre Cardoso (Secretário de Ciência e Tecnologia) que nos

 disse que aumento salarial nem pensar, que se quiséssemos ganhar mais alguma coisa, deveríamos criar um

projeto e assim conseguiríamos um adicional ou uma bolsa. Foi então que um grupo 

composto principalmente por professores se reuniu e escreveu uma minuta , criando um projeto visando

qualidade de trabalho, com uma bolsa no valor de R$4000,00 , a principio sem reajuste e sem incorporar

ao salário . Haveria após 3 anos de pagamento, uma avaliação dos funcionários e do resultado deste

projeto , feita a principio pelos próprios serviços. Foi nos dito também, que sendo uma bolsa de pesquisa,

esta não seria taxada pelo imposto de renda, e assim este valor de R$4000,00, seria líquido. Além disso, 

poderíamos brigar mais tarde para que esta fosse incorporada ao nosso salário. Já tivemos outras reuniões,

 onde na verdade não chegamos a lugar nenhum. Na última reunião que tivemos com o Reitor, este nos

mostrou a minuta do projeto protocolada no gabinete do Governador Cabral. No entanto, esta minuta que

foi protocolada estava cheia de erros, erros estes que já haviam sido corrigidos anteriormente. Além disso,

acabamos descobrindo que : uma bolsa nunca será incorporada ; tem data para começar e acabar ; se for

gratificação para  tentar incorporar ao salário mais tarde ; pagaremos imposto e dos

R$4000,00  receberemos R$2900,00 (-27,5%), valor este longe do nosso pleito inicial.

Nosso colega Fernando, pediu então ao Dr. Volpato que reajustasse o valor da gratificação para R$

5520,00 na minuta do projeto, para que o valor líquido ficasse garantido em R$4000,00. Não obtivemos

nenhuma resposta. Segundo o Dr. Volpato, haveria uma reunião com o reitor na sexta-feira dia 19/08 ; mas

esta reunião sequer estava agendada no gabinete do reitor e este se encontrava fora do Rio de Janeiro.

RESUMINDO: situação atual ; não conseguimos até agora nada em relação a melhora salarial ou bolsa ou

gratificação. Este movimento já tem quase um ano e só ouvimos desculpas do tipo : agora não é um

momento político bom, o governador está deprimido e etc.

Amanhã (23/08/2011) às 10:00h, teremos uma reunião com o reitor no seu gabinete.

É importante que um maior número de pessoas compareçam.

Quarta-feira marcamos uma reunião no Sindicato dos Médicos às 19:00h para votarmos pela greve.

Já cansamos de tentar negociar! Seria bom que todos comparecessem.

O endereço é: Av. Churchill 97.

Um abraço a todos.

 REUNIÃO COM REITOR

3a.f - 10h - Reitoria UERJ

ASSEMBLÉIA

4a.f - 19h - SINMED - Centro

Favor divulgar. Desnecessário ratificar a importância da participação de todos.

É lamentável que o Governador e o Secretário não queiram conversar com o grupo organizado. Depois , reclamam do nosso Blog. Temos que divulgar e dar voz aos que não são ouvidos pelo PODER PÚBLICO.

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

MAIS DA METADE DOS BRASILEIROS DIZ TER COMPRADO PRODUTO PIRATA EM 2011.



Pela primeira vez o número de pessoas que admitiu ter comprado algum produto pirata no ano ultrapassou os que negaram ter praticado o crime em uma pesquisa da Fecomércio realizada desde 2006, em parceria com o instituto de pesquisa Ipsos.

Enquanto no ano passado 48% dos entrevistados disseram que compraram itens falsificados, em 2011 o percentual passou para 52%. Em números absolutos, 74,3 milhões de brasileiros teriam praticado o crime este ano, 6 milhões a mais do que em 2010.

A pesquisa mostra ainda uma significativa adesão das classes A e B à prática, passando de 47% dos entrevistados em 2010 para 57% este ano. O avanço ocorre apesar de 82% deles acreditarem que a pirataria alimenta a sonegação de impostos e 75% acharem que prejudica o faturamento do comércio.

A principal justificativa para a compra do produto pirata, de 94% dos entrevistados, é o preço, seguido pela facilidade de encontrar o item. Uma grande parcela deles, 40%, não acreditam que o uso desses produtos pode trazer alguma consequência negativa para eles próprios.

Os produtos piratas mais comprados, segundo a pesquisa, são CDs e DVDs, seguidos por brinquedos e artigos de moda, que mostraram crescimento expressivo este ano. O levantamento foi feito com mil pessoas em 70 cidades do país, inclusive 9 regiões metropolitanas. ( Fonte Ig)

ESTUPROS DE MENINAS MOSTRAM FALÊNCIA DO ESTADO .



Os estupros consecutivos de uma adolescente, por quatro dias, dentro de uma colônia penal agrícola em Santa Izabel (PA), provocou a indignação de senadores do estado e daqueles relacionados à defesa dos direitos humanos no Congresso Nacional.

A semelhança do caso com o de outra adolescente presa por 20 dias em uma cadeia pública da cidade de Abaetetuba (PA), em 2007, foi considerada a prova da “falência do estado” na proteção das crianças e adolescentes, na opinião da senadora Marinor Brito (PSOL-PA).

Na época, a adolescente também foi sucessivamente estuprada dentro da prisão, sem o socorro das autoridades e de policiais presentes. “É um episódio atrás do outro. Em Abaetetuba, demitiram meia dúzia de pessoas, derrubaram a delegacia [onde a jovem ficou presa] e nada mais foi feito. O estado continua falido”, afirmou a senadora.

Segundo ela, as autoridades no Pará têm um histórico de “negligência e desrespeito à cidadania infantojuvenil”. A senadora aponta como exemplo de deficiências na gestão a falta de concurso público e de formação continuada para os profissionais que atuam nas redes de assistência e proteção às crianças em risco social.

“Estivemos lá [no Pará] atuando pela CPI do Tráfico Humano e nos deparamos com uma situação calamitosa. Vou denunciar à ONU [Organização das Nações Unidas] e à OEA [Organização dos Estados Americanos] o descaso do governo brasileiro e do estado do Pará na proteção dessas crianças”, afirmou a senadora.

Para o presidente da Comissão de Direitos Humanos do Senado, Paulo Paim (PT-RS), o fato é uma repetição do que aconteceu em Abaetetuba, mesmo após toda a cobrança feita pelas autoridades do resto do país ao governo paraense. “É inadmissível que isso aconteça novamente”, disse Paim.

Ele estuda enviar uma correspondência para o governo do estado para recordar que crimes hediondos como esses estão se repetindo no Pará. Paim também pretende aprovar, na Comissão de Direitos Humanos (CDH), uma moção de repúdio ao que aconteceu com a adolescente e de solidariedade à família.

A menina de 14 anos procurou uma delegacia na madrugada do último sábado (17) e contou que o abuso foi cometido por detentos da Colônia Agrícola Heleno Fragoso, na zona rural do município de Santa Izabel. A polícia vai investigar ainda a denúncia de violência sexual de mais duas adolescentes e tentar descobrir como elas entraram no presídio.

A garota fez exame de corpo de delito e foi encaminhada para um abrigo em Belém. Após as denúncias, o governo do Pará determinou a exoneração, por negligência, do diretor da instituição penal, Andrés de Albuquerque Nunes, e de 20 homens que estavam de plantão no sábado.





ONG finca 594 vassouras em Copacabana pelo fim da Corrupção no Brasil.



Voluntários da organização não governamental (ONG) Rio de Paz fincaram, na madrugada de hoje (19), 594 vassouras pintadas de verde e amarelo nas areias da praia de Copacabana, na zona sul do Rio de Janeiro. O ato representa um protesto contra a corrupção no país. O grupo também estendeu uma faixa com a inscrição “Congresso Nacional, ajude a varrer a corrupção do Brasil”.

Segundo o líder do movimento, Antonio Carlos Costa, a ideia é conscientizar a população para cobrar mais transparência na utilização do dinheiro público, já que os desvios desses recursos são responsáveis pela morte de muitos brasileiros. Ele explicou que as vassouras são uma referência aos 513 deputados federais e 81 senadores, que integram o Congresso Nacional.

“Nós precisamos inaugurar uma nova fase no nosso país, marcada por um controle social maior das ações do Legislativo e do Executivo, porque hoje esse controle está sendo mediado apenas pelos partidos políticos, que se reúnem e tomam suas decisões, enquanto o povo observa de braços cruzados. É um movimento pacífico para mobilizar a população até vermos essa quantidade absurda de dinheiro [arrecadada pelos cofres públicos] ser canalizada para as obras de infraestrutura, escolas, assistência médica, entre outros”, afirmou.

Costa também informou que uma nova manifestação está marcada para amanhã (20). O grupo vai fixar em Copacabana e no Aterro do Flamengo, também na zona sul da cidade, cartazes com a foto de uma bala de revólver e a inscrição “Corrupção mata”. ( F. Bol )

domingo, 18 de setembro de 2011

PRAÇA SECA ESTÁ ABANDONADA PELO PODER PÚBLICO.

     

                                   PRAÇA SECA : ALGUNS BRINQUEDOS QUEBRADOS

     CHAFARIZ DESATIVADO : ACÚMULO DE LIXO E DE ÁGUA PARADA - RISCO DE FOCO DE MOSQUITO - DENGUE .

Uma das áreas mais charmosas de Jacarepaguá , a Praça Seca , encontra-se abandonada pelo poder público. Os mais antigos do Bairro sabem  que , aos domingos ,  as pessoas se deslocavam de bonde , desde a Freguesia , a Taquara , o Tanque , o Pechincha e das demais localidades para se divertir na Praça Seca , local preferido pelas famílias de então para o lazer dominical.


                                                       BANCOS QUEBRADOS

O coreto da Praça , o chafariz , os cinemas Baronesa e Ipiranga e os jardins eram alguns dos seus atrativos. Com o passar do tempo , por razões diversas , a Praça Seca perdeu um pouco disso , mas continua sendo um dos pontos característicos de  nosso Bairro.

                CORETO DEPREDADO - ACÚMULO DE MENDIGOS E DE FEZES HUMANAS
                       CHAFARIZ DESATIVADO E ACÚMULO DE LIXO - BARATAS - RATOS
No mês em que Jacarepaguá completa 417 anos , notamos que a Praça Seca está totalmente abandonada pelas autoridades. Será que a culpa é do Visconde de Asseca que doou a área para a construção da Praça ? Será que a culpa é de quem construiu ou reformou o coreto e o chafariz ? É claro que não! Apenas colocamos essas duas perguntas , de forma irônica , para evitar que os atuais administradores coloquem a culpa nos governos passados. Essa desculpa não cola . Já estão aí a um tempo suficiente para respeitar os moradores de Jacarepaguá e cuidar da Praça Seca. O resto é conversa fiada... Vamos arregaçar as mangas e trabalhar...  
                                  MENDIGOS E FEZES HUMANAS OCUPAM O CORETO

Homem rouba ônibus e dirige descontrolado até Botafogo.



Segundo informações, 26 veículos teriam sido atingidos no caminho

Um homem roubou um ônibus vazio no Terminal Alvorada, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, na manhã deste domingo (18). Após bater em vários veículos e aparentemente drogado, ele só foi detido cerca de 20 quilômetros depois, em Botafogo, na Zona Sul .

De acordo com informações da polícia, Pedro Henrique Garcia de Souza Correa dos Santos, 24 anos, tinha acabado de sair de uma festa a fantasia e aproveitou que o coletivo estava com a chave na ignição e vazio. Ao todo, 26 veículos teriam sido atingidos pelo motorista descontrolado. Uma pessoa, ainda não identificada, teria ficado ferida.

Pedro Henrique, que é estudante de direito, vestia uma calça camuflada e uma camisa escrito "operações especiais". De acordo com a Rádio CBN, ele teria admitido aos policiais o uso de drogas e álcool.

A detenção ocorreu na Rua Voluntários da Pátria, em Botafogo. Alertados por um taxista, PMs tentaram detê-lo no Jardim Botânico, mas sem sucesso, iniciaram uma perseguição.

De acordo com o Centro de Operações Rio, o ônibus passou pelo Túnel Zuzu Angel e os agentes da CET-Rio, estranhando a maneira como era conduzido, alertaram à PM. O coletivo seguiu pela Avenida Borges de Medeiros, na Lagoa, e teria entrado pela Fonte da Saudade, passando pelo Humaitá, até chegar a Botafogo. Pedro foi preso e encaminhado para a 12ª DP (Copacabana), de onde seguiu para o Instituto Médico Legal (IML), onde fará exames para provar se estava sob o efeito de álcool ou drogas. ( JB )





FERREIRA GOULART E O PT !



(Folha de SP-18) 1. O mensalão era parte do plano. Descartar o PMDB e aliar-se a partidos pequenos para, em vez de lhes dar cargos ministeriais, lhes dar dinheiro. Sim, porque, para o PT permanecer o 20 anos no poder, era necessário ocupar a máquina do Estado, tê-la nas mãos, de modo a usá-la com finalidade eleitoral. Se já não podia comprar os partidos aliados com a grana do mensalão, passou a comprá-los com outra moeda, entregando-lhes os ministérios para que os usassem como bem lhes aprouvesse: dinheiro ali é o que não falta. E assim, como se vê agora, nos ministérios dos Transportes, da Agricultura, do Turismo, cada partido aliado montou seu feudo e passou a explorá-lo sem nenhum escrúpulo.

2. Todos sabem que o PT, nascido partido da esquerda revolucionária, não admitia deixar o poder, uma vez tendo-o conquistado. Os demais partidos aceitam a alternância no poder porque estão de acordo com o regime. Já o partido revolucionário vem para implantar outro regime, que exclui os demais partidos. É claro que esse era o PT de 1980, que não existe mais, mesmo porque, afora o pirado do Chávez, ninguém em sã consciência acha que vai recomeçar o socialismo em Macondo, quando ele já acabou no mundo inteiro.

3. Disso resulta que os principais fundadores do PT abandonaram o sonho da sociedade igualitária e cuidam de seu próprio enriquecimento. Por esperteza e conveniência, porém, tentam fingir que se mantêm fiéis aos ideais socialistas. Desse modo, dizendo uma coisa e fazendo outra, enganam os mal informados, enquanto usam o poder político e institucional para intermediar interesses de grupos econômicos nos contratos com o Estado brasileiro.

Sequestros-relâmpago aumentam no Estado do Rio.

 Rápido e intenso. Assim o dicionário descreve o efeito de um relâmpago. Só que as marcas nas vítimas do sequestro que leva o nome do fenômeno natural são duradouras e profundas. No Rio, o número de ataques mais do que dobrou de abril a junho deste ano (de 22 para 47 casos), na comparação com o mesmo período do ano passado. Ao longo do semestre, o aumento foi de 37%. A elevação foi maior na Zona Norte e na Baixada, segundo dados do Instituto de Segurança Pública.

O principal alvo são mulheres e idosos. As vítimas costumam estar de carro, mas pedestres também estão à mercê. O crime ocorre em horários e locais com pouco movimento, geralmente à noite ou em troca de turnos de policiamento. Os bandidos não agem sozinhos e estão sempre armados .Dia





FALTA DE MÉDICOS NAS UPAs

Entre julho e o início deste mês, o índice médio de faltas de pediatras nos plantões de sábados e domingos em UPAs estaduais foi de 16,12%. No fim de semana posterior ao feriado de 7 de Setembro, 24,8% dos pediatras não apareceram para trabalhar.

Nos dias 6 e 7 de agosto, sábado e domingo, o percentual de faltas foi ainda maior, chegou a 26,84%. O levantamento, feito pela Secretaria Estadual de Saúde, revela que os médicos de crianças preferem trabalhar nos dias úteis, quando as ausências, ficaram, na média, em 8,51%.

Nos fins de semana, o índice de faltas dos clínicos, chamados de socorristas, é menor: atingiu, em média, 11,45%. Mas, nos dias 16 e 17 de julho, 15,14% deles não foram às UPAs. Nos dias úteis, a média de faltas ficou em 11%. Fonte : O Dia



sábado, 17 de setembro de 2011

LULA , " O PAI DO PAC ( PROGRAMA DE ACELERAÇÂO DA CORRUPÇÃO " VAI ARRUMAR EMPREGO COM DILMA !

CHEGA ! DILMA TEM QUE SER IMPEDIDA  ( IMPEACHMENT NELES ) COMO CABRAL E PAES ! É MUITA SAFADEZA junta ! ESTÁ AÍ A AMIZADE DELES em que o povo desinformado pela Globo acreditou  e votou neles . Essa é a amizade DO DEMÔNIO. É a amizade dos superfaturamentos , da impunidade e da corrupção ! O POVO NÃO AGUENTA MAIS ! CHEGA !

Lula vira ‘ministro de assuntos eleitorais’.Com aval de Dilma . . Ex-presidente articula alianças com as 17 siglas da base para 2012 . ONDE ESTÁ A FAXINA DE DONA DILMA , A DISSIMULADA ?

No comando de uma base com 17 partidos e problemas de sobra, a presidente Dilma Rousseff decidiu ficar longe das querelas da montagem das chapas que vão disputar as prefeituras nas eleições do ano que vem. A articulação partidária ficará a cargo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que será uma espécie de "ministro extraordinário para assuntos eleitorais". O inventor do PAC ( PROGRAMA DE ACELERAÇÂO DA CORRUPÇÃO) . NUnca antes na história desse País teve tanta corrupção como com LULA !

O cargo, claro, é fictício. Mas no Palácio do Planalto Lula é tratado assim. Quando alguém fala em articulação partidária e política, a presidente costuma lembrar que a função é de seu antecessor. Desse modo, o ex-presidente acaba sendo visto como "40.º ministro" de Dilma. E vai ganhar MUITO ! É malandro , desde o ABC , quando cortou o dedo  por acidente ou por conveniência .

Hoje, são 38 ministérios. O das Pequenas e Médias Empresas está sendo criado pelo Congresso. Será o de número 39. Mas para os aposentados e pensionistas , para os professores e para a Saúde  , além da PEC 300 , a dissimulada Dona Dilma diz não ter dinheiro. IMPEDIMENTO NELES ! RENÚNCIA JÁ !

Apesar da agenda interna e das articulações políticas, Lula não desarma a agenda internacional. Na próxima sexta-feira, dia 23, ele vai para Washington. Em seguida, para Paris e Gdansk (Polônia), onde em 1980 nasceu o Solidariedade, o único sindicato independente do antigo Leste Europeu. Termina seu périplo internacional em Londres. No início de outubro, volta ao País.

No Brasil, de acordo com informações da assessoria de Lula, ele já esteve reunido com líderes do PT de Belo Horizonte, Salvador, Rio, Goiânia e Recife. A todos, pediu que busquem manter coligações com os partidos da base aliada, evitem disputas internas e procurem candidatos que representem renovação.

‘O que mais gosta’. Daqui até a definição dos candidatos, em junho do ano que vem, Lula deverá percorrer 26 Estados - a 27.ª unidade, o Distrito Federal, não tem eleição municipal - para montar chapas que fiquem dentro do perfil da base de apoio de Dilma. Por enquanto, ele tem a intenção de conversar muito - só terá uma atuação mais próxima da intervenção quando não for possível resolver os problemas pelas vias amigáveis.

TEMOS QUE EXTIRPAR DA VIDA PÚBLICA O PT , O PMDB , DONA DILA , LULA , CABRAL E PAES , ALÉM DA FAMÍLIA SARNEY. CHEGA DE MENTIRA E DE DISSIMULAÇÃO . DONA DILMA E LULA SÃO EMBUSTES QUE SUSTENTAM CABRAL E PAES.



CHEGA DE CORRUPÇÂO ! RENUNCIA DONA DILMA ! SE NÃO TEM COMPETÊNCIA ...